Escola Superior de Educação Politécnico de Coimbra
ESEC Politécnico de Coimbra
A ESEC
Estudar
Investigar / Transferir
Menu secundário
Imagem

Concurso Local de Acesso para curso de Estudos Musicais Aplicados

Terça, 21 Abril, 2020

O acesso à licenciatura em Estudos Musicais Aplicados (EMA) da Escola Superior de Educação de Coimbra (nova designação da licenciatura em Música) vai passar a ser efetuada através de Concurso Local.

Para tal, os candidatos terão que realizar uma das provas de ingresso (História da Cultura e Artes ou História ou Inglês ou Literatura Portuguesa ou Matemática ou Português) e uma prova de Aptidão Vocacional Específica que avaliará os conhecimentos gerais de música e o desempenho vocal e instrumental do candidato, bem como uma entrevista. A candidatura é feita diretamente na ESEC o que, para Rui Paulo Simões, diretor do curso, torna “o processo mais simples e rápido (…) a estrutura da prova é definida pelo regulamento aprovado pela tutela, sendo a gestão de conteúdos a cargo do júri de exames, em conformidade com a legislação vigente”.

Rui Paulo Simões acrescenta ainda que o “concurso local traduz uma maior autonomia por parte da ESEC no processo de candidatura ao curso de estudos Musicais Aplicados, concretamente na definição de um calendário mais flexível e adaptado à realidade regional, permitindo assim uma gestão das diversas fases de concurso mais consentâneas com a realidade que os candidatos vêm revelando ao longo dos anos”.

Para o diretor de curso, a alteração desta forma de ingresso tem “um conjunto significativo de vantagens para os candidatos”. “É um avanço significativo na dinâmica e evolução que este curso vem revelando, e que agora atinge mais um dos objetivos propostos, conducentes a um curso renovado, moderno e atrativo para as novas gerações”, acrescenta.

A licenciatura compreende seis semestres, podendo os estudantes optar pelo Ramo de Música em Contextos Especiais ou de Música e Tecnologias.

O Ramo de Música em Contextos Especiais forma Músicos com competências para intervir musicalmente, em âmbito não formal, ficando aptos a trabalhar em contextos de reabilitação ou reinserção social, com comunidades específicas (creches, escolas, centros de dia, hospitais e outros).

O Ramo de Música e Tecnologias forma Músicos com conhecimento e domínio de ferramentas e técnicas não só associadas à criação, gravação, edição e produção musical, mas também à produção de espetáculos e, ou gravação de fonogramas.

“Coimbra tem uma tradição de séculos no ensino da música, a que a ESEC pretende dar continuidade. Sendo o único curso de ensino superior de música prática entre Vouga e Tejo, cumpre por isso um desígnio que se afigura relevante”, conclui Rui Paulo Simões.

 As informações sobre o Concurso Local de Acesso para a licenciatura em Estudos Musicais Aplicados estão disponíveis aqui

 

‹ Voltar