Escola Superior de Educação Politécnico de Coimbra
ESEC Politécnico de Coimbra
A ESEC
Estudar
Investigar / Transferir
Menu secundário

Educação e Lazer

Esta pós-graduação visa qualificar profissionais na área de Educação e Lazer, com ferramentas que possibilitem o planeamento, a organização e a avaliação de atividades e projetos utilizando diversas tecnologias, nomeadamente, as expressões artísticas, as atividades desportivas, entre outras, com a perspetiva de intervenção social nos diversos contextos de lazer.

Os desafios para recuperarmos as competências que os sistemas educativos deveriam estar a ser capazes de desenvolver apelam ao questionamento não só do modo como transformar a escola formando para que possa enfrentar economias baseadas no conhecimento, contribuindo para a formação ao longo da vida, mas ainda para entender como desenvolver outros contextos educativos que, à semelhança do que se passa nos outros países da OCDE, possam contribuir para a aquisição e desenvolvimento de aprendizagens.

O documento da Comissão das Comunidade Europeias – Memorando sobre Aprendizagens ao Longo da Vida – refere a importância das aprendizagens não-formais e informais e como devem ser consideradas essenciais para “aumentar a oferta e a procura de oportunidades de aprendizagem”.

Entendendo lazer na perspectiva dos 3 D’s – Descanso, Divertimento e Desenvolvimento (Dumazedier) – propomo-nos elucidar o modo como proceder para aproveitar as potencialidades do terceiro D – Desenvolvimento – para diversificar o conhecimento e a aprendizagem de crianças, jovens e adultos no contexto da sociedade do conhecimento.

A sociedade do conhecimento, em Portugal, poderá ganhar pelo reconhecimento, desenvolvimento e apoio a outros contextos de aprendizagem de modo a enriquecer os espaços de formação (Furter, 1983) existentes.

A criação de cidades educativas (por exemplo, Barcelona), pode ser apresentada como um tipo de situação com que a sociedade do conhecimento se enriquece.

Outro contexto rico de trocas de conhecimento remete para o desenvolvimento das economias das zonas rurais (a que chamamos de Desenvolvimento Local) como território de desenvolvimento de produtos endógenos e de turismo, em que a troca de saberes pode ser aproveitada com o enriquecimento mútuo de conhecimentos.

Assim, nos contactos realizados com os Centros de Actividades de Tempos Livres, com as escolas do Ensino Básico e Secundário e respectivas comunidades, com as IPSS’s com actividades de apoio à população sénior, com Associações de Desenvolvimento Local e Autarquias da Região, tem-se verificado, na gestão destas actividades de lazer, a existência de numerosos técnicos sem formação específica no domínio da Animação Socioeducativa.

Embora muitos destes Centros desenvolvam actividades de grande interesse para os seus destinatários, entendemos que a sua riqueza educativa poderia ser acrescida, numa perspectiva de educação ao longo da vida, se os responsáveis adquirissem competências neste domínio, em dinâmicas de educação não-formal considerando que se enquadram nos tempos de lazer dos vários grupos de população, tendo em conta as suas três componentes.

Assim, esta Pós-Graduação tem como finalidade adequar a formação dos técnicos que coordenam e gerem Actividades de Tempos Livres às necessidades que hoje se fazem sentir na orientação e formação de monitores, animadores, professores e outros técnicos que trabalham com as crianças, jovens e adultos (nomeadamente idosos e reformados), em contextos profissionais ou especificamente de lazer.

Estas actividades procuram ainda a educação dos destinatários para o usufruto do lazer. 

As actividades de Enriquecimento Curricular, realizadas após as horas de trabalho escolar das crianças, serão mais facilmente portadoras de conhecimentos e competências para as crianças se desenvolvidas em contextos pedagógicos com as características do lazer.

Os participantes deste Curso deverão, ainda, saber organizar projectos, formar e orientar profissionais desenvolvendo a intencionalização pedagógica.

Nesse sentido a aprendizagem passará pela competência de gerir um currículo aberto de educação não-formal tornando os espaços de lazer mais enriquecidos cultural e educativamente.

Mais informações

Edital e informação de candidatura

Diploma

Objetivos

A pós-graduação em Educação e Lazer tem como objetivos gerais:

- Formar profissionais qualificados para o desempenho de funções na área da Educação e Lazer, com elevada capacidade de planeamento, enquadramento e avaliação de atividades, projetos e programas, utilizando diversas tecnologias nomeadamente, a arte e a cultura, as atividades físicas e desportivas, o turismo, entre outras, com a perspetiva de intervenção social nos diversos contextos de lazer;

- Aprofundar a formação técnica, pedagógica e científica obtida no 1º ciclo da licenciatura, para o exercício das funções de educação para e pelo lazer.

 

Assim, pretende-se que os pós-graduados em Educação e Lazer possam:

1. Compreender o conceito de lazer na sociedade atual, a sua emergência, os seus contextos de desenvolvimento, numa perspetiva sociológica e educacional, habilitando os estudantes para conceber projetos, programas e atividades adequados aos diversos tipos de destinatários, nos diferentes contextos de lazer (formal, não formal e informal), numa perspetiva de educação pelo/para o lazer.

2. Entender a complexidade e âmbito de intervenção da sociedade da informação, do conhecimento e da aprendizagem numa perspetiva de educação ao longo da vida, de modo a organizar atividades, projetos e programas de lazer em que a componente de conhecimento permita o enriquecimento dos grupos envolvidos.

3. Construir um quadro de representações sociais distanciado do contexto escolar que permita conceber, implementar e avaliar atividades de educação não-formal com intencionalidade(s) educativa(s) específica(s) utilizando diversos recursos (Atividades Físicas Desportivas, Expressões Artísticas e outras Atividades Culturais, Turismo, etc.).

4. Conceber projetos, programas e atividades em ambientes escolares e/ou comunitários que promovam a igualdade de oportunidades, o interesse pelas aprendizagens e a integração escolar e profissional, de crianças e jovens, desenvolvendo os seus contextos de lazer.

Plano Curricular

Candidatura

Candidaturas para a 2.ª Fase a decorrer até 11 de setembro de 2020, em https://inforestudante.ipc.pt/

Destinatários

a) Os titulares do grau de Licenciado ou equivalente legal conferido por instituição de ensino superior nacional nas áreas de Animação Socioeducativa, em Animação Sociocultural, em Educação Comunitária e em Educação Social; licenciado em Ciências da Educação, Sociologia, Antropologia e Psicologia e noutros cursos no âmbito das Ciências Sociais e Humanas; licenciado em Turismo, Teatro, Desporto e Lazer Comunicação, Ensino ou em áreas afins;
b) Candidatos com inscrição no último ano da licenciatura.